Foto: Divulgação/Unisinos.

Fortaleça a imprensa democrática brasileira

Após a avassaladora repercussão negativa do fechamento de 13 cursos de pós-graduação em ciências humanas, levado a cabo na sequencia da inauguração de uma pós-graduação patrocinada pela maior fabricante de pistolas do mundo, a Taurus Armas, a Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) publicou posicionamento dizendo que “a Universidade potencializará seu portfólio de cursos e programas, em permanente conexão com as oportunidades e demandas do mercado”.

Trata-se de uma das mais importantes universidades privadas do Brasil implodindo sua pós-graduação em humanidades, com cursos de mais de três décadas de excelência, sob a “justificativa” do mais puro oportunismo mercadológico, como se uma universidade pudesse atuar como uma fábrica de qualquer coisa – como armas – regida tão somente pela lógica gerencial, automaticamente comprometendo a autonomia de ensino e pesquisa.

No “novo Brasil”, pode. É como diz a primeira frase da nota da Unisinos: “o contexto do ensino superior brasileiro mudou radicalmente ao longo dos últimos anos”.

Em seu pronunciamento, a Unisinos afirma que nenhum aluno dos cursos extintos será prejudicado, porque “lhes será garantida a continuidade do curso até que concluam sua formação”. Professores orientadores, porém, já estão sendo demitidos. Mas talvez também não haja aí nenhum tipo de contradição.

A seguir, na íntegra, a nota da Unisinos:

“O contexto do ensino superior brasileiro mudou radicalmente ao longo dos últimos anos. Houve significativa redução do número de matrículas, resultado da crise econômica do país, da redução expressiva de financiamento público para o ensino superior e da pandemia. Para promover o equilíbrio financeiro da instituição e sua preparação para crescer de forma sustentável nos próximos anos, a Unisinos está adotando algumas ações que envolvem o início do processo de desativação de uma parte de seus programas de pós-graduação. Os alunos desses programas não serão prejudicados, pois lhes será garantida a continuidade do curso até que concluam sua formação. Cabe destacar que a Universidade seguirá investindo e mantendo sua reconhecida excelência em pesquisa acadêmica por meio de 14 programas de pós-graduação, produzindo conhecimento que gera impacto positivo para a sociedade. A Unisinos mantém-se inabalável em seu propósito de oferecer educação superior de excelência. A Universidade potencializará seu portfólio de cursos e programas, em permanente conexão com as oportunidades e demandas do mercado, visando contribuir ainda mais para o desenvolvimento do estado do Rio Grande do Sul”.

Deixe um comentário

Deixe um comentário