General Arruda.

Deu do Diário Oficial da União desta quarta-feira, 28:

“O presidente da República, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, caput, inciso XIII, da Constituição, e tendo em vista o disposto no art. 4º da Lei Complementar nº 97, de 9 de junho de 1999, resolve nomear a partir de 30 de dezembro de 2022, por necessidade do serviço, no âmbito do Comando do Exército, o General de Exército Júlio Cesar de Arruda, para exercer, interinamente, o cargo de Comandante do Exército”.

O general Arruda foi o escolhido por Lula para render o general Marco Antonio Freire Gomes no comando do Exército de Caxias. Na edição do DOU desta quarta saiu também a exoneração do general Freire Gomes do cargo, também para a próxima sexta, 30.

Nesta terça, 27, o futuro ministro da Defesa, José Múcio Monteiro, já havia confirmado a passagem de comando no Exército para o último dia útil do ano, antes da troca de governo, dizendo que, apesar do inusitado e do terrorismo caboclo, tudo caminha na mais perfeita paz:

“No dia 30, às 10h30, o general Freire vai sair e entregar interinamente a quem vai comandar definitivamente. É uma coisa absolutamente tranquila, não há viés político, sem nenhum problema”.

O general Marco Antonio Freire Gomes deixará o cargo após dois meses alimentando, por inércia, a fermentação golpista na frente de organizações militares do Exército em todo o país.

Não vá embora ainda. Considere...

... fazer uma assinatura ou um Pix de apoio ao jornalismo do Come Ananás. Fortaleça a imprensa democrática brasileira. Venha junto romper o ronrom da mídia corporativa.

FAÇA UMA ASSINATURA de apoio ao Come Ananás. É rápido e seguro. Cancele quando quiser na área do assinante.

OU FAÇA UM PIX do valor que quiser ou puder. Toda contribuição é importante. Esta é a chave Pix do Come Ananás:

apoio@comeananas.news

Deixe um comentário

Deixe um comentário