Pará foi o primeiro estado a cumprir decisão judicial para desocupar vias e áreas militares (Foto: Bruno Cecim / Ag.Pará).

Impressionou, e impressionou positivamente na manhã desta segunda-feira, 9, as imagens feitas de helicópteros de redes de TV mostrando dezenas de ônibus cruzando Brasília e levando presos centenas de bolsogolpistas que estavam acampados em frente ao quartel general do Exército.

No exato momento da última viagem patriótica dos bolsocampistas, circulavam outras imagens mostrando que seria a última nada: imagens mostrando os presos de domingo na Praça dos Três Poderes sendo conduzidos de carceragens do Distrito Federal para o presídio da Papuda, também de ônibus, após serem identificados e ouvidos pela polícia.

Está no livro de Alexandre, capítulo 23, versículo 8: “Em verdade, em verdade vos digo: de ônibus vieste, de ônibus para a Papuda irás”.

Muitos deles tinham chegado a Brasília horas antes na caravana dos 100 ônibus, aqueles que, pelo visto, não tinham pneu careca, farol queimado, nada que justificasse o impedimento da coup-trip. Nada, nem terroristas vestidos com seu uniforme canarinho e com suas movimentações identificadas nos dias anteriores.

Flavio Dino sabe muito bem que é falsa a justificativa que apresentou para a caravana do terror ter cruzado centenas de quilômetros de rodovias federais para despejar em Brasília aqueles que destruíram os prédios dos três poderes.

Usou-a porque sabe muito bem que a alternativa seria reconhecer que a Polícia Rodoviária Federal, como o Batalhão da Guarda Presidencial do Exército, ambos já sob nova direção, mesmo assim cumpriram cada qual o seu papel na conspiração.

Apoie o Come Ananás

Fortaleça a imprensa democrática brasileira. Venha junto romper o ronrom da mídia corporativa.

FAÇA UMA ASSINATURA de apoio ao jornalismo do Come Ananás. É rápido e seguro. Cancele quando quiser na área do assinante.


OU FAÇA UM PIX do valor que quiser ou puder. Toda contribuição é importante. Esta é a chave Pix do Come Ananás:

apoio@comeananas.news

Participe da conversa

1 Comentário

  1. Hoje, na caminhada que faço, um fanático me provava por a + b que a vandalização em Brasilia, foi tudo obra de Petistas infiltrados…

Deixe um comentário

Deixe um comentário